top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Tentativa de assalto a carro-forte no Aeroporto de Caxias do Sul deixa policial e suspeito mortos, diz PM

Caso ocorreu na noite desta quarta-feira (19). Após troca de tiros, suspeito de assalto também foi baleado e morreu. Outros homens fugiram pela mata, segundo a polícia.

Uma tentativa de assalto a um carro-forte no Aeroporto de Caxias do Sul, na Serra do RS, deixou um policial e um suspeito mortos na noite desta quarta-feira (19), após troca de tiros. As informações foram confirmadas pela Brigada Militar (BM), a polícia militar do estado.



O policial morto foi identificado como o 2º sargento da Brigada Militar, Fabiano Oliveira, de 47 anos.


Em nota, a força policial afirmou que os demais suspeitos fugiram para a mata

O governador do RS, Eduardo Leite, expressou solidariedade aos familiares e colegas do sargento na rede social X (antigo Twitter).


"Determinei empenho máximo das forças de segurança do Estado para capturar e buscar a responsabilização de TODOS os criminosos envolvidos nesse ato covarde. Seguiremos firmes na luta contra a criminalidade, honrando a memória do sargento Fabiano Oliveira e de todos os heróis que dedicam suas vidas para proteger o nosso povo", escreveu Leite .

A polícia afirmou que a ocorrência está em andamento no local, onde realizam o cerco para identificar e render os suspeitos que participaram do crime.

O Comando de Policiamento de Choque, o Batalhão de Operações Especiais (BOPE) e o Batalhão de Aviação da Brigada Militar e a 12°BPM atuam na ocorrência.


Nota da Brigada Militar


Informações preliminares

A Brigada Militar informa que, na noite desta quarta-feira, 19/6, ocorreu uma ocorrência de roubo a carro-forte no aeroporto de Caxias do Sul. Após a chegada da Brigada Militar ao local, houve confronto entre os criminosos e os policiais militares. Infelizmente, um policial militar ficou ferido e foi encaminhado ao hospital, vindo a falecer.


Durante a ocorrência, um dos criminosos também foi a óbito, enquanto os demais conseguiram fugir para a mata.

O Comando de Policiamento de Choque, o Batalhão de Operações Especiais (BOPE) e o Batalhão de Aviação da Brigada Militar já foram acionados e, com as equipes do 12°BPM, estão no aeroporto de Caxias do Sul e realizando o cerco policial.


A ocorrência ainda está em andamento.


Pronunciamento do governador Eduardo Leite


Com pesar, recebi a notícia da morte do 2º sargento da Brigada Militar, Fabiano Oliveira, de 47 anos, que heroicamente tombou após ser baleado durante uma troca de tiros com criminosos que tentaram roubar um carro-forte nas proximidades do Aeroporto de Caxias do Sul na noite desta quinta-feira. Ingressando na Brigada Militar em 1997, o sargento


Oliveira dedicou mais de duas décadas ao serviço da segurança pública, tendo levado até o fim seu juramento de colocar a própria vida em risco pela proteção da sociedade gaúcha.

Expresso minha solidariedade à família do sargento Fabiano, aos colegas e irmãos de farda da Brigada Militar, nesse momento de dor. Quando um policial militar tomba, toda a sociedade perde.









Determinei empenho máximo das forças de segurança do Estado para capturar e buscar a responsabilização de TODOS os criminosos envolvidos nesse ato covarde. Seguiremos firmes na luta contra a criminalidade, honrando a memória do sargento Fabiano Oliveira e de todos os heróis que dedicam suas vidas para proteger o nosso povo.


95 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page