top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Temporal pode ter provocado queda de avião que matou casal de Xanxerê, diz PF

Um temporal dominado por uma forte chuva pode ter causado a queda do avião de pequeno porte ocupado por Márcio Antônio Neiss, de 44 anos, e a esposa Meilene Cristina Cirino Neiss, de 42, que morreram no local. A informação divulgada pela Polícia Federal ainda é preliminar.


A aeronave caiu por volta das 16 horas de sexta-feira, dia 10, em uma área de mata na zona rural de Barcarena, município que fica no Nordeste do Pará. Além do casal de Xanxerê, o piloto Sílvio Cezar de Morais, de 46 anos, morreu no acidente.


A aeronave havia saído de Paragominas, no Sudeste do Pará, com destino a Belém. A hipótese levantada com base em relatos colhidos pela Polícia Civil é que o piloto teria sobrevoado duas vezes um campo de futebol com aparente intenção de pouso, mas não conseguiu em razão da forte chuva.


Investigadores do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), da Força Aérea Brasileira (FAB) e agentes da Polícia Federal (PF) realizam um levantamento no local para a apuração de mais detalhes e confirmação das causas da tragédia.


Inúmeras publicações foram feitas nas redes sociais em lamento às mortes. A empresa Hacker Industrial, onde Márcio trabalhava há mais de 20 anos, expressou condolências a familiares e amigos do empresário. O Grupo Escoteiro Caingangue Xanxerê também divulgou uma nota de lamento. Márcio também era fundador do Clube de Aeromodelismo Asas do Oeste, em Xanxerê. "Amigos, que Deus os receba na sua eterna bondade e conceda o descanso eterno. Aqui, ficamos com as boas lembranças e gratidão por tudo que vivemos", escreveu o clube em uma nota nas redes sociais.


Velórios


Ainda não há informações precisas sobre o velório dos corpos, que deve ocorrer em Xanxerê. O Oeste Mais apurou que familiares viajaram até o Pará para agilizar a liberação dos corpos. Márcio e Meilene eram pais de um jovem de 19 anos e uma criança de 10 anos.

Por Oeste Mais



270 visualizações0 comentário

תגובות


bottom of page