top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Prefeito de SC considera “traição” os elogios do presidente nacional do PL a Lula

No prestigiado encontro do PSD catarinense em Itapema no último fim de semana, encabeçado pelo prefeito de Chapecó, João Rodrigues, e o presidente do partido, Eron Giordani, um dos assuntos foi a declaração do presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto.


Na semana passada, Costa Neto fez elogios ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a quem se referiu como uma liderança popular.


O encontro contou com os deputados federais Ismael dos Santos, Darci de Matos e Ricardo Guidi, os deputados estaduais Julio Garcia, Mario Motta, Paulinha e Napoleão Bernardes.


Mais de 30 prefeitos, entre eles Clésio Salvaro (Criciúma), Orvino Coelho de Avila (São José) e Topazio Neto (Florianópolis), além das lideranças do PSD, prefeitos de outros partidos também estiveram presentes.


Ataque frontal a Bolsonaro, diz prefeito


“Valdemar da Costa Neto dar uma declaração para a imprensa elogiando o Lula é um ataque frontal ao maior aliado dele, que foi o presidente Jair Bolsonaro”, reclamou.


João Rodrigues disse que “quem elegeu a maior bancada da Câmara e do Senado foi Jair Bolsonaro, e agora o senhor Valdemar da Costa Neto faz essa traição”.


“Por isso não é um número que define a liderança. É a pessoa, eu sempre fui Bolsonaro e não precisei mudar de partido”, discursou João Rodrigues.

Por ND+



64 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page