• Bruno Ramos

Multa de R$ 1 milhão trava ida de Anselmo Ramon para o Botafogo

Chapecoense não abre mão de valor pelo centroavante de 32 anos

A negociação do Botafogo para contratar Anselmo Ramon está travada. A Chapecoense não quer abrir mão da multa rescisória de aproximadamente R$ 1 milhão - o contrato do atacante vai até o final da temporada.



O Botafogo estuda maneiras de convencer a Chape e contornar a multa. Hoje, o clube carioca tem apenas os jovens Rafael Navarro e Matheus Nascimento como opções e precisa reforçar o ataque.

Há possibilidade de uma diminuição de pouco menos da metade do valor total da multa caso Anselmo Ramon abra mão dos débitos da Chapecoense. Internamente, o atacante chegou a demonstrar interesse em seguir para o Rio de Janeiro.


Anselmo Ramon chegou à Chapecoense em 2020 e, desde então, marcou 14 gols em 49 jogos. O centroavante tem ainda passagens por Cruzeiro, Guarani e Vitória. De 2014 a 2017, ele atuou no futebol chinês.


O Botafogo intensificou as buscas por um centroavante depois que Matheus Babi foi negociado com o Athletico-PR no início desta semana. O setor entrou na lista de prioridades do clubes, que hoje conta com apenas dois atletas da base como opção para Marcelo Chamusca.



4 visualizações0 comentário