• Caroline Sacardo

Motorista que atropelou homem pensou que veículo havia batido em buraco

O delegado responsável pelo caso, Eric Rosada, relatou que o autor do atropelamento que matou o rapaz Marco Antonio Arenhardt Mariani de apenas 23 anos, na noite da última segunda-feira, 26, na BR-282, alegou para a Polícia Civil que pensou ter atingido um buraco e por isso não parou.

O motorista se apresentou para o delegado de plantão ainda na noite do acidente.


Eric também relatou que o trabalho da Polícia Civil será esclarecer toda a dinâmica e circunstâncias do fato para verificar a responsabilidade dos envolvidos.


Fonte: Portal Peperi

284 visualizações0 comentário