top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Massagista é preso suspeito de violação sexual no Oeste de SC

Na tarde da última sexta-feira (28), a Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) de Xanxerê e com o apoio da Delegacia de Investigação Criminal (DIC), cumpriu um mandado de busca e apreensão, além de um mandado de prisão preventiva expedidos pela Vara Criminal local. O alvo das operações foi um homem de 46 anos, suspeito de cometer crime de violação sexual mediante fraude no município.


O suspeito, que trabalha como massagista, é acusado de ter praticado ato libidinoso contra uma paciente durante uma sessão no início de junho deste ano. Segundo as investigações, o homem teria introduzido um de seus dedos no órgão genital da vítima sem o consentimento dela. Mesmo após a paciente pedir para que ele parasse, o suspeito continuou a agressão, causando sangramento.

Além deste caso, a investigação revelou que o homem já possuía uma condenação criminal por crime contra a dignidade sexual e estava cumprindo pena em regime aberto. Com base na gravidade dos fatos e visando garantir a ordem pública e evitar a continuidade dos crimes, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva e pela busca e apreensão. As medidas foram deferidas pelo Poder Judiciário, após manifestação favorável do Ministério Público, e cumpridas na sexta-feira pela Polícia Civil.


As autoridades destacam que há indícios de que outras mulheres também foram vítimas do suspeito, e as investigações continuam para identificar e proteger possíveis vítimas adicionais.


*Informações obtidas em parceria com o portal Canal 2



121 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page