top of page
  • Foto do escritorBruno Ramos Kuengeski

Mãe embriagada é presa por maus tratos ao próprio bebê no Oeste de SC

No último sábado (09), uma mulher de 40 anos foi detida pela Polícia Militar em São Miguel do Oeste, no Oeste de Santa Catarina, por maus tratos ao seu próprio filho, um bebê de apenas 60 dias. A ação ocorreu na Rua Itaberaba, no Bairro Salete, por volta das 13h40.


A polícia foi acionada após receber denúncias de que a mulher estaria embriagada e negligenciando os cuidados necessários ao bebê, que nasceu prematuro. Ao chegar ao local, os policiais constataram a embriaguez da mulher e, ao fundo, podiam ouvir o choro do bebê.


Ao ser autorizada a entrada na residência, os policiais se depararam com uma cena de descontrole por parte da mãe. Questionada sobre o consumo de álcool, ela reagiu agressivamente, proferindo xingamentos e ameaças aos policiais. Durante o tumulto, tentou arranhar e morder os agentes, além de declarar repetidamente que o bebê só sairia morto de sua casa.


Diante da situação, a Polícia Militar procedeu com a prisão da mulher e a conduziu à Delegacia de Polícia Civil de São Miguel do Oeste. O Conselho Tutelar foi acionado e acompanhou todo o desenrolar da ocorrência, encaminhando o bebê para a casa da avó paterna, que assumiu a responsabilidade pelo cuidado da criança.


Segundo relatos de testemunhas aos policiais, tanto o pai quanto a mãe do bebê são usuários de drogas, consumindo entorpecentes inclusive na presença da criança. O pai, que ocasionalmente visita o bebê, também é citado como usuário de substâncias ilícitas.

Por ND+


0 visualização0 comentário

Kommentare


bottom of page