• Caroline Sacardo

Gasolina pode chegar a R$7 até dezembro

A quase R$ 6, o preço da gasolina pode subir ainda mais, o alerta é do vice-presidente do Sindicato de Comércio Varejista de Combustíveis Minerais de Florianópolis (Sindópolis). Em entrevista ao Notícia na Manhã desta segunda-feira, 09, Fernandes afirmou que apenas a redução da carga tributária pode frear a elevação dos preços de combustíveis.


- Se acontecer no segundo semestre o que aconteceu no primeiro, em dezembro, gasolina estará superior a R$ 7. Só existe uma saída: redução da carga tributária - declarou o vice-presidente.


Atualmente, o litro de gasolina está muito próximo a R$ 6, confirmando uma previsão anunciada pelo Sindópolis em março deste ano.


- Só não chegou aos R$ 6 ainda porque o barril do petróleo deu uma estabilizada, chegou a 75 dólares. Numa defasagem, com o produto em torno de 20 centavos, hoje o barril de petróleo está em torno de 70 dólares. Se isso não tivesse acontecido, certamente, a Petrobras teria feito um reajuste e o produto teria passado de R$ 6 - declarou.


Conforme Fernandes, o revendedor tem dificuldade para estabelecer margem de lucro, já que compra o produto por aproximadamente R$ 5,20.


- Para ter um negócio sadio, precisa ter, no mínimo, 20% de lucro. Isso significa um produto final para o consumidor em torno de R$ 6,20 ou R$ 6,30. No entanto, ele não consegue trabalhar com esse número - explicou o vice-presidente.


Foto: Divulgação


Fonte: NSC

15 visualizações0 comentário