• Caroline Sacardo

Garoto de programa é preso acusado de se passar por policial civil para obter mais clientes

Um jovem de 27 anos foi preso neste sábado, dia 6, acusado de se passar por policial civil no município de Chapecó. A prisão foi realizada pela Polícia Civil em conjunto com a Guarda Municipal da cidade.

O suspeito foi preso no Bairro Vila Real. Com ele as autoridades encontraram diversas roupas utilizadas pela Polícia Civil de Santa Catarina.

Interrogado, o suspeito informou que é garoto de programa e com o uso público e indevido das vestimentas da instituição, tinha êxito em obter mais clientes mulheres.


Segundo o jovem, o valor cobrado pelo programa era de R$ 300 a hora.


A Polícia Civil informou que o investigado responderá por se fingir ser funcionário público e por usar, publicamente, uniforme ou distintivo de função que não exerce.


Roupas foram apreendidas com o suspeito - Foto: Polícia Civil


Fonte: OesteMais

74 visualizações0 comentário