• Caroline Sacardo

Entidades pedem a volta do horário de verão, mas governo resiste

O primeiro horário de verão no Brasil completou 90 anos no último domingo, dia 3. Ele chegou a durar até 6 meses em algumas épocas, foi suspenso algumas vezes e em 2019, banido novamente.

Dois anos após a queda do horário de verão, entidades e associações do comércio, turismo e setor elétrico pedem o retorno e sugerem que ele seja aplicado de outubro a março. Muitos empresários acreditam que o fato traria uma alta no faturamento, principalmente após muitos estabelecimentos ficarem fechados devido a pandemia.

De acordo com autoridades do Ministério de Minas e Energia, o horário de verão não reduz o consumo de energia elétrica, pois o que não é consumido no final da tarde passa a ser consumido no período da manhã, não justificando a implementação.


Fonte: CNN Brasil

42 visualizações0 comentário