top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Com gol de pênalti no fim, Inter vence Gre-Nal por 3 a 2 no Beira-Rio

Com gol de pênalti de Alan Patrick aos 50 minutos do segundo tempo, o Inter venceu o Gre-Nal 441 por 3 a 2 na noite deste domingo no estádio Beira-Rio. O resultado garante o Inter na liderança até o final da primeira fase do Gauchão com 25 pontos. O Grêmio segue atrás com 20 pontos.

No segundo tempo, Villasanti recolocou o time gremista com um golaço após driblar dois marcadores com boa jogada do jovem Gustavo Nunes. O empate colorado chegou com Alario. O argentino veio do banco e com 30s girou e bateu rasteiro. Marchesín falhou.

No último minuto, a principal polêmica do confronto. Alan Patrick driblou Kannemann e foi derrubado. O árbitro Anderson Daronco marcou o pênalti. O camisa 10 bateu tranquilo e garantiu o resultado.

Erro de Renê e acerto de Maurício


Se o Grêmio teve novidades na escalação, a postura foi a projetada ao longo da semana. O Inter teve a posse de bola e se impôs desde o primeiro minuto. Aos 2 minutos, Valencia recebeu de Bruno Henrique e colocou o goleiro Marchesín para segurar firme no meio da meta. Em contragolpe, JP Galvão de cabeça fez o jovem Anthoni segurar cabeceio em dois tempos. O Colorado tinha o controle. No entanto, era pouco agressivo. Em lance fortuito, o Tricolor abriu o placar aos 15 minutos. Reinaldo cruzou na área e, sozinho, o lateral Renê teve uma indefinição, tentou dominar, e mandou a bola direto para o gol de Anthoni. Aos 25 minutos, o Inter chegou ao empate com boa trama pelo meio de campo. Alan Patrick encontrou Mauricio na entrada da área e bateu rasteiro para superar Marchesín. A virada quase chegou na sequência. Alan Patrick finalizou por cima. Com a igualdade, a equipe de Coudet ampliou seu domínio, mas sofria para criar espaços na defesa gremista e não conseguiu criar chances de perigo até o final do primeiro tempo.

Pênalti no fim define a vitória


Grêmio e Inter voltaram sem mudanças para o segundo tempo. A pressão colorada se seguia e por duas vezes Enner Valencia foi neutralizado pela defesa gremista. O Tricolor era certeiro quando ia ao ataque. Aos 10 minutos, Villasanti recebeu de Gustavo Nunes e entrou na área driblando. O volante bateu com estilo e superou o goleiro Anthoni para recolocar o time gremista na frente do marcador.


O cenário do duelo não se alterava apesar do placar. O goleiro Marchesín fez um milagre aos 15 minutos. Wanderson finalizou desviado de fora da área e o argentino operou uma excelente defesa. Coudet respondeu com uma mudança: Bruno Henrique deixou o campo para a entrada de Lucas Alario.




Com menos de 30s em campo, o argentino mostrou seu faro decisivo e empatou o jogo. Ele recebeu livre dentro da área, girou e tocou rasteiro para vencer Marchesín. O chute foi fraco e o goleiro só conseguiu espalmar para o fundo das redes. Renato colocou Pavón e Andre Henrique nas vagas de Dodi e JP Galvão. Coudet respondeu com Bruno Gomes no lugar de Valencia aos 29.

5 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page