top of page
  • Foto do escritorDifusora FM

Chuvas no RS causam mais estragos e Defesa Civil alerta para inundação em quatro rios

O Rio Grande do Sul voltou a ser afetado por chuvas durante este fim de semana e registrou estragos em algumas cidades. A Defesa Civil gaúcha chegou a emitir um alerta para quase todo o território estadual, principalmente para as regiões Metropolitana, Centro, Vales e Serra. Neste domingo (16), o órgão de monitoramento emitiu um novo comunicado sobre a possibilidade de inundação dos rios do Sinos, Caí, Paranhana e Taquari. O aviso é válido por 24 horas.


Conforme publicação nas redes sociais do vice-governador do RS, Gabriel Souza, o estado tem rastros de destruição por conta das chuvas. Em São Luiz Gonzaga, uma microexplosão destelhou 1.200 imóveis, entre silos e empresas. Na cidade, conforme informações da GZH, 400 pessoas ficaram desalojadas e o município decretou situação de emergência.


Em Dom Pedro de Alcântara, o salão do Santuário Nossa Senhora de Lourdes foi destruído por deslizamentos. Também há estragos em outros municípios que registraram extravasamento de rios e deslizamentos que acabaram isolando temporariamente comunidades.


Gabriel Souza reforçou que as equipes da Defesa Civil e demais forças de segurança trabalham para atender os afetados. Até o momento, não há registro de vítimas graves.


Estado contabiliza 171 mortes pelas chuvas


O Rio Grande do Sul vem sendo fortemente castigado pelas chuvas desde o início de maio, quando o estado gaúcho viveu uma das suas piores tragédias climáticas dos últimos tempos. Por conta da situação, o governo decretou calamidade pública e 171 pessoas perderam a vida em meio às ocorrências, conforme boletim da Defesa Civil.


As chuvas, que deixaram cidades embaixo d’água, afetaram 2,39 milhões de pessoas em 475 dos 497 municípios gaúchos. Ainda há registro de desaparecidos e famílias seguem em abrigos. O aeroporto Salgado Filho e o porto de Porto Alegre seguem fechados.


  • Cidades afetadas: 475

  • Pessoas em abrigos: 37.812

  • Pessoas desalojadas: 580.111

  • Pessoas afetadas: 2.390.556

  • Feridos: 806

  • Desaparecidos: 43

  • Óbitos confirmados: 171

  • Pessoas resgatadas: 77.865

  • Animais resgatados: 12.543

Por NSCTotal



30 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page