• Caroline Sacardo

Chapecoense e América-MG empatam na Arena Condá

Com uma arbitragem polêmica do árbitro Douglas Schwengber da Silva (RS) e do VAR Jean Pierre Gonçalves Lima (RS), Chapecoense e América-MG empataram em 1 a 1 na Arena Condá, em Chapecó (SC). A partida desta segunda-feira (16) foi válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols da partida foram marcados por Anderson Leite para o Verdão e Rodolfo para o Coelho.


As polêmicas no jogo começaram logo aos 12’. Em um contra-ataque da Chape, Alan Ruschel deu um carrinho por trás em Geuvânio. Imediatamente o árbitro do jogo expulsou o atleta do Coelho. O árbitro de vídeo interviu e chamou o juiz para o monitor. O árbitro reviu o lance e anulou o vermelho de Ruschel.


A primeira chance do jogo foi do América-MG. Aos 22’, após um cruzamento na área da Chape, a zaga não afastou e Chrgor finalizou para o gol, mas a bola foi para fora. No lance seguinte, o Verdão foi ao ataque. Geuvânio recebeu a bola, limpou para a esquerda e finalizou, mas a bola também foi para fora.


A grande chance da Chape aconteceu aos 37’. Fernandinho recebeu um belo passe, entrou na área do América, driblou dois defensores e ficou cara a cara com o goleiro Cavichioli. O atacante do Verdão finalizou para o gol, mas o arqueiro do Coelho fez uma linda defesa.


Nos acréscimos do primeiro tempo, as 48’, o América quase marcou o primeiro. Ademir recebeu a bola no lado direito e trouxe para o meio do campo. O camisa ‘10’ do Coelho finalizou de perna esquerda, a bola desviou na zaga e foi no cantinho do gol, mas Keiller conseguiu se recuperar e salvou a Chape.


Fim de primeiro tempo na Arena Condá, Chapecoense 0, América-MG 0.


Foto: Márcio Cunha/ACF

Logo no início da segunda etapa, tanto Chape, como o América criaram chances. O primeiro a atacar foi o Coelho. Antes do primeiro minuto, Felipe Azevedo conseguiu a finalização, mas a bola foi para fora. Aos 2’, a Chape respondeu. Bruno Silva recebeu a bola, limpou o marcador e finalizou para o gol, mas a bola foi na rede, pelo lado de fora.


A segunda polêmica da partida aconteceu aos 14’ do segundo tempo. Em uma disputa de bola entre Kadu e Ramon, o zagueiro do América-MG caiu no chão, mas o lance seguiu. Novamente o árbitro de vídeo chamou o juiz ao monitor. O árbitro reviu o lance e decidiu expulsar Kadu. Na cobrança de falta, Eduardo Bauermann conseguiu marcar o gol, mas o VAR anulou por impedimento.


Após ficar com um jogador a menos, a Chape foi para cima do América e em duas oportunidades, Bruno Silva quase abriu o placar. Aos 29’, o atacante do Verdão fez uma boa jogada e finalizou para o gol, mas Cavichioli salvou o Coelho. Aos 30’, Bruno Silva novamente finalizou para o gol, a bola ia no canto do gol mineiro, mas o goleiro salvou novamente.


Aos 41’, o que parecia impossível aconteceu. Mike dominou a bola na lateral do campo e cruzou para a área. A zaga do América falhou e Anderson Leite apareceu entre os marcadores para cabecear para o fundo das redes do Coelho. Após o gol, a Chape conseguiu mais uma chance. Aos 44´, Bruno Silva novamente finalizou forte para o gol, mas o goleiro Cavichioli salvou o América mais uma vez.


O América era todo pressão e conseguiu o empate aos 48´. João Paulo foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para dentro da área. O camisa ‘9’ Rodolfo apareceu entre os zagueiros e empatou a partida.


Fim de jogo na Arena Condá. Chapecoense 1, América-MG 1. O Verdão volta a campo no próximo sábado (21), contra o Atlético-GO, no Antônio Accioly, em Goiânia (GO).


Fonte: Portal Peperi

2 visualizações0 comentário