• Caroline Sacardo

Casal da Região perde dinheiro no golpe do falso aluguel

O golpe do falso aluguel pelas redes sociais segue fazendo vítimas na região. Dessa vez, um casal de Iporã do Oeste perdeu R$ 400,00 na tentativa de alugar um apartamento anunciado em um grupo no Facebook. Uma das vítimas, se diz indignada com a forma adotada pelos golpistas para fazer a abordagem e negociação.

Ela informou que conversou por mensagens e áudios no WhatsApp com uma senhora muito simpática e prestativa. Elas negociaram o valor do aluguel em R$ 800,00 mensais e a locadora pediu um adiantamento para reservar o imóvel para a vítima. Por se tratar de uma cidade pequena, onde não é comum esse tipo de golpe e pela maneira educada e simpática com que foi respondida, ela acabou efetuando uma transferência de R$ 400,00 pelo Pix, correspondente à metade do aluguel mensal.

Depois da transferência, ambas combinaram de se encontrar no referido apartamento para assinarem os contratos e para que a locatária fizesse a retirada da chave. Quando chegou ao local, a vítima pediu informações em uma farmácia que fica no andar térreo do prédio, onde as atendentes disseram que não conheciam a mulher que fez o anúncio. Logo depois, a moradora e verdadeira dona do apartamento conversou com a vítima e disse que pelo menos outras quatro pessoas haviam caído no golpe e ido até o local pelo mesmo motivo.

A vítima registrou um Boletim de Ocorrência na Polícia Militar de Iporã do Oeste e orienta para que as pessoas evitem fazer transferências eletrônicas nesses casos, sem antes ver o anunciante pessoalmente, para evitar cair nesse tipo de golpe que vem crescendo cada vez mais em municípios da região. Fonte: Marcos Herbert/Portal Peperi

147 visualizações0 comentário