• Bruno Ramos

Após casos de COVID confirmados, Conmebol muda data e local de jogo com Del Valle

Duelo ocorreria nesta quarta-feira, em Quito, mas Tricolor teve três casos positivos e não pode sair do hotel nesta terça



O duelo entre Independiente Del Valle e Grêmio, válido pela terceira fase da Libertadores, precisou ser transferido pela Conmebol. O clube gaúcho foi impedido de treinar na tarde desta terça, em Quito, no Equador e entrou em contato com a entidade por entender que houve uma quebra de isonomia.

O jogo passou para a próxima sexta-feira e não ocorrerá mais no Equador, mas no Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai. A entidade fez o comunicado na noite desta terça-feira, menos de 24 horas antes da partida.

O Grêmio teve três casos confirmados de Covid-19 desde a última segunda. Dois deles de jogadores que fazem parte da delegação e estão no Equador. As autoridades impediram que o grupo gremista deixasse o hotel para trabalhar, o que gerou a solicitação do Grêmio.

“Hoje à tarde fomos impedidos pelas autoridades locais de realizar o treino conforme os protocolos da Conmebol. A partir do momento que as autoridades impediram, acionamos a Conmebol para tomar as providências. Há uma quebra de isonomia. Arguimos que se fomos proibidos de treinar, não poderíamos ser obrigados a jogar. A Conmebol teve bom senso de determinar a transferência.” disse o CEO do Grêmio, Carlos Amodeo.

O técnico Renato Portaluppi ficou fora da viagem por apresentar sintomas e testou positivo na segunda. Nesta terça, o clube confirmou também os testes positivos para Vanderson e Paulo Victor, que viajaram com a delegação para Quito.

A delegação gremista está no Equador e ainda não tem data marcada para o deslocamento ao Paraguai.

O clube gaúcho publicou uma nota para informar a mudança. A Conmebol usou as redes sociais para confirmar a troca de dia e país da partida.


Confira a nota


"O Grêmio informa que a Conmebol reagendou a partida desta quarta-feira, contra o Independientre del Valle, para a próxima sexta-feira, 09 de abril, em Assunção, no Paraguai, às 19h15 de Brasília (18h15 local). A delegação viaja de Quito para Assunção, em horário e data ainda a serem divulgados."

89 visualizações0 comentário